Dicas para madrinhas: inspirações para um dia especial.

  

Oii amigas,

Sabe aquele momento super especial na vida de uma pessoa querida, que por sinal é super gratificante fazer parte e estar presente? Afinal, ela escolheu você dentre tantas outras pessoas especiais também.
Para que a ocasião se torne ainda mais incrível, é importante pensar em cada detalhe, especialmente na hora de se vestir. Algumas noivas optam pela padronização dos vestidos, mas outras preferem deixar a árdua tarefa da escolha na mão de cada uma das madrinhas. Se você faz parte deste segundo grupo, aproveite as dicas que daremos a seguir.
Pra começar saiba o horário do casório e pesquise sobre o clima naquele dia, assim você pode se programar e descobrir o que ficará melhor em você.
Depois disso, chegou a hora de escolher o modelo de vestido ideal com base também nas preferências da noiva, confira algumas dicas:

  • Evitar vestidos pretos ou perguntar para a noiva se ela aceita;
  • Evitar vestidos que chamem atenção demais;
  • Se a cerimônia for religiosa, vestidos com muitos decotes ou costas abertas podem não ser as melhores opções;
  • Evitar cores muito claras que se assemelhem à vestidos de noiva;
  • Casamentos durante o dia pedem tecidos mais leves e sem muitos brilhos;
  • Casamentos durante a noite permitem um pouco mais de brilho no look, mas nada exagerado;
  • Opte por modelos que possuem uma echarpe como opção, no caso de esfriar repentinamente;
  • Procure saber o modelo do vestido da noiva, algumas gostam de simplicidade. Assim você evitar usar um modelo muito parecido com apenas a cor diferente.
 
             
                                 

As estampas tem sido uma boa aposta, principalmente as florais, elas não eram muito bem vista há algum tempo, mas agora vem com tudo principalmente quando a ideia é combinar cores da estampa com uma parte lisa na peça. “A cor dourada é outra aposta para as madrinhas, ela é uma cor elegante e não serve só para noite, é possível usar dourado em casamentos diurnos também".
Durante o dia também é possível aproveitar aqueles vestidos de tecidos fluídos, pois deixam o look mais leve, menos incômodo, principalmente para casamentos ao ar livre ou onde a cerimônia acontece em uma área externa. Uma tendência que está em alta, de acordo com Fabiana, são aplicações 3D como flores e rendas.




“Já para a noite, as madrinhas podem apostar em vestidos armados de tecidos mais estruturados, muito comum nos desfiles de alta costura. As cores escuras também são uma boa aposta”.










Na hora de comprar ou alugar o vestido de madrinha ainda existem muitas dúvidas como “será que vou usar depois?”; “e se eu alugar e depois quiser ficar com ele?”; “primeiro aluguel compensa?”, entre outras questões que devem ser avaliadas com cuidado. Se você é uma pessoa muito próxima da noiva, talvez a compra do vestido sirva também para que, no futuro, vocês relembrem os momentos marcantes e quem sabe até uma nova sessão de fotos depois de alguns anos? Mas se você não for uma pessoa muito apegada a esse tipo de coisa, talvez fazer o primeiro aluguel do vestido compense mais.
 
 

Mas independente da escolha,  evite vestidos curtos e tecidos não tão nobres, como a malha e a viscose, pois são muito comuns e deixam a produção não tão especial.

Aproveite esse dia!

Gostaram do post? Deixe seu comentário e compartilhe com suas amigas. 

Beijos ♥







Dica da semana: Estilo & Academia.



Olá meninas lindas,

Vamos matar a saudade com um post super esclarecedor rs, até porque quando se trata de looks para academia bate aquela dúvida: O que usar? Como usar?
Afinal academia é um lugar para ajudar na saúde, mas não podemos esquecer de que não precisamos seguir a "Moda" que vemos por aí.

Então, preparei algumas dicas pra vocês...

1. Pernas finas:  Calças de moletom, aquele tecido molengo que já é adequado as práticas esportivas, com tons claros e detalhes horizontais.
2. Muito busto: Escolha tops ou camisetas que tenha o máximo de sustentação e que possibilite você, a fazer movimentos e continuar confortável enquanto isso.
3. Baixinha: Exite roupas com listras horizontais, fazem parecer ainda mais baixa além de engordar. Escolha com detalhes verticais.

Esqueça: Polainas, perfumes fortes, acessórios gigantes, maiô ou biquínis, guarde eles para ir a praia e diminua a poluição visual.








Tecidos - As suas roupas de malhar pedem por tecidos de fibras naturais como linho, algodão e outros, pois absorvem o suor e secam rapidamente. É sempre bom estar de olho aberto nas inovações do mercado de roupas com maior aderência, que permitem ao corpo uma melhor transpiração;
Blusão largo - Uma escolha confortável para qualquer uma. O ideal é usar essas opções com calças leggings,

Meias - Começando de baixo, é sempre importante usá-las para proteger as pernas e aquecer os músculos na prevenção contra inflamações, estiramentos e cãibras. 




 Claro, a ideia é sempre estar confortável acima de tudo, mas vale a pena se esforçar e caprichar na próxima vez que for se exercitar. 
E não esqueça da discrição! ;)


Até a próxima.




A modernidade dos coletes.



Hey meninas lindas

Hoje vamos saber um pouco mais sobre essa peça coringa que faz parte do nosso guarda-roupa, e se ainda não faz parte do seu, esse post vai te fazer repensar sobre a ideia rsrs.

O colete é aquela peça sem muita funcionalidade na hora de montar o look, mas que toda mulher precisa ter ao menos um em seu guarda-roupa. O charme que ele acrescenta ao visual, nenhuma outra peça é capaz de fazer.
Sem contar que sua versatilidade é notória, já que podemos usá-la no inverno e no verão.
A modernidade e diversidade deles contribui para que todas possam achar um que combine com seu estilo.

Vamos conferir alguns exemplos e como usá-los da melhor maneira:

Colete jeans:




O colete jeans é o mais jovial entre os coletes e é com ele que você pode criar os looks mais casuais. O que varia entre os coletes jeans é a sua lavagem e o seu modelo: podendo ser mais semelhante com a jaqueta jeans ou com uma camisa jeans.

 

Vale a pena apostar em combinações com outras peças em jeans, camisetas e vestidões. Combine também com rasteirinhas e tênis e crie um visual super jovem e moderno. Por isso o colete jeans pede texturas mais despojadas como estampas e tecidos de texturas mais rústicas. 

Colete de pelo:


 
 

Ao usar esse estilo de colete, você deixará seu visual muito mais elegante e sofisticado. Para você ter essa versatilidade, e ainda não prejudicar os animais, opte sempre por coletes de pelo fake, né gente. :)
Afinal, o colete de pelo é o que menos te dá possibilidades de usar no verão, por ser feito de um tecido mais quente. 


Colete de pelo pede peças visualmente fortes como ele como cores marcantes, peças mais fechadas remetendo ao inverno.

Colete de couro:

 
 

O couro fica lindo quando combinado com outras peças em jeans, por isso, use com calças e saias jeans. Se quiser deixar o look mais leve, combine com vestidos e tecidos estampados. Para deixar o look mais elegante, capriche no maxi colar e no salto. 
O colete de couro também é a cara do inverno, mas vai muito bem em produções para o verão. Sabendo combinar, tudo é possível. 
 


Colete de tecido:

 

O modelo alfaiataria é o mais popular e fica lindo em cima de combinações mais casuais para quebrar a informalidade do look. Use-o com peças estampadas para criar um look bem despojado e veranil. 
Além de ser o modelo mais versátil. Ele pode vir em diversas versões e com aplicações, como pedrarias e paetês. É fácil de combinar por ter essa variedade. Vai bem com todas as peças do guarda-roupa, desde usado por cima de vestidos até como complemento do jeans e camiseta.



Outros exemplos:

 

           
                             
 
                              
 



Então é isso amores, gostaram das dicas?

Compartilhe com suas amigas e se ainda não nos segue no IG @vestirsebem ou na fan page, não fique de fora. 

Beijos. 
Deus abençoe!